PIGMENTOS DAS SEMENTES DE URUCUM

          Os pigmentos encontrados nas sementes de urucum pertencem a uma classe de substâncias denominadas carotenóides. Os carotenóides foram reconhecidos como compostos químicos por volta de 1831 com a separação dos pigmentos da cenoura. A esses pigmentos foi dado o nome de “carotin”, por sua relação com a cenoura (carrot em inglês). Atualmente são conhecidas mais de 600 estruturas diferentes de carotenóides que estão amplamente distribuídas no reino vegetal e animal.

          A bixina é o carotenóide que está presente em maior concentração na semente de urucum, alcançando mais de 80% de todos os pigmentos presentes. Por isso quando se analisa as sementes de urucum o resultado é expresso em bixina. 

Extração dos pigmentos

          Conheça as principais tecnologias de extração dos pigmentos do urucum utilizados pelas indústrias.

Estabilidade dos pigmentos

          Os pigmentos das sementes do urucum podem ser degradados por uma série de fatores como a luz, a temperatura e o oxigênio.

Análises de pigmentos

          Conheça com mais detalhes as análises químicas para a quantificação dos pigmentos das sementes de urucum. 

Os corantes do urucum

          Conheça os principais corantes produzidos a partir das semente de urucum.

© 2017 www.ourucum.com.br.